Banner Rotativo (PJe)

Notícia Destaque

Tutorial ensina como salvar depoimentos no Zoom de forma separada

Os arquivos individualizados evitam arquivos longos e facilita a busca de depoimentos específicos.

Notícias do PJe-JT

null TRT-10 conclui migração de todo seu acervo para meio eletrônico e recebe selo '100% PJe'

O processo de migração começou em maio de 2019 e, depois de ficar parado por algum tempo em 2020 por causa da pandemia, foi concluído em meados de 2021.

17/03/2022 - Como forma de reconhecimento por ter migrado todo seu acervo processual do meio físico para o meio eletrônico, o Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região (DF/TO) recebeu, da Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho (CGJT), no final de fevereiro deste ano, o selo “100% PJe”. O processo de migração começou em maio de 2019. Depois de ficar parado por algum tempo no ano de 2020, em razão da pandemia de covid-19, foi concluído em meados do ano passado.

Ao comentar o feito, o presidente do Tribunal, desembargador Brasilino Santos Ramos, ressaltou que o processo eletrônico "é um grande avanço para o Judiciário, pois possibilita que o desenvolvimento da prestação jurisdicional ocorra com maior eficiência, celeridade e transparência".

A juíza Ana Beatriz do Amaral Cid Ornelas também destacou o aumento da eficiência. “O maior benefício para o jurisdicionado com a migração de 100% dos processos físicos para o ambiente eletrônico é a eficiência e a celeridade na análise dos processos judiciais", afirmou a gestora do Projeto 100% Digital na 10ª Região. De acordo com a magistrada, que é diretora do Foro Trabalhista de Brasília, o selo mostra que o TRT da 10ª Região está atento aos desafios impostos pela evolução tecnológica e que se moderniza na busca de uma prestação jurisdicional de maior qualidade e eficiência.

Trabalho conjunto

O selo “100% PJe” também premia um grande trabalho desenvolvido no TRT-10 para migração de todo acervo processual físico para o meio eletrônico. "O trabalho de mudança contou com o auxílio e colaboração de um grande número de áreas", salientou o presidente da corte. A juíza Ana Beatriz lembrou a cronologia das atividades e a interrupção do processo em 2020. "O trabalho começou em maio de 2019, com a instituição do Projeto 100% Digital. O tempo em que ficamos impossibilitados de manter a continuidade do projeto foi resgatado com a realização de força tarefa, que envolveu mais de 56 pessoas, entre servidores, colaboradores terceirizados e estagiários, trabalhando na migração”, revelou a magistrada.

Segundo ela, várias áreas da corte participaram do trabalho, incluindo a Presidência, a Corregedoria Regional, a Secretaria Geral Judiciária, a Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação, a Diretoria do Foro Trabalhista de Brasília, o Grupo Gestor de 1º Grau e as Varas do Trabalho.

A magistrada destacou, também, a relevância do serviço prestado pela área de digitalização. “Todas áreas foram importantíssimas e essenciais para que o projeto obtivesse o êxito esperado, mas daria destaque ao serviço de digitalização, que foi um grande protagonista na realização da tarefa. A digitalização conta com 36 jovens, que mostraram comprometimento e determinação e foram fundamentais para que o selo 100% Pje fosse alcançado”, concluiu.

Selo

O selo “100% PJe”, criado pela CGJT, tem como objetivo reconhecer o esforço dos Tribunais Regionais do Trabalho em migrar todo seu acervo para o sistema PJe. A iniciativa segue o disposto no Provimento CGJT nº 2, de junho de 2019, que dispõe sobre a migração dos autos físicos em tramitação nas unidades judiciárias dos TRTs para o PJe, para uniformizar o procedimento de migração dos processos em todos os regionais. Este procedimento busca agilizar a prestação jurisdicional, além de facilitar a fiscalização por parte das corregedorias geral e regionais.

Fonte: TRT da 10ª Região (DF/TO)

PJe - Notícias - Ver Todas

Botão - Lembrete Pje

Verifique se o processo está tramitando no PJe

Como será a Implantação do Pje no TST

Pesquisa Processual

 
 

Vídeo institucional mostra nova rotina dos advogados que utilizam o Pje-JT