Notícias do TST

null Presença do TST nas redes sociais cresceu em 2012


(Ter, 22 Jan 2013, 11h)

Presente em diferentes redes sociais desde 2011, o Tribunal Superior do Trabalho (TST) tem investido, cada vez mais, nesta forma de comunicação com a sociedade. Com o objetivo de facilitar o acesso à informação, uma das metas da gestão do presidente do TST, ministro João Oreste Dalazen, a presença em diferentes redes sociais tem intensificado a comunicação com a sociedade e proporcionado mais transparência às ações realizadas pela Corte.

Isso porque essas ferramentas, além de instrumentos de divulgação, permitem a interatividade com o público, funcionando como um "termômetro" de qualidade de serviços.

Em 2012, os resultados da presença do Tribunal Superior do Trabalho na internet superaram as expectativas da Secretaria de Comunicação Social do Tribunal. A meta agora será manter os resultados alcançados.

TV TST

Em 2012, a TV TST na rede social Youtube solidificou sua presença na internet atingindo mais de 450 mil visualizações. Um aumento considerável se comparado ao número do ano anterior, quando foram registrados 160 mil acessos. O canal, que conta atualmente com mais de 1.200 inscrições, é utilizado para divulgar notícias, decisões e eventos do Tribunal.

Entre os quase 700 vídeos produzidos ao longo do ano, o vídeo com a palestra do dramaturgo, romancista, poeta e membro da Academia Brasileira de Letras Ariano Suassuna foi a mais acessada, com aproximadamente 43 mil visualizações. A apresentação foi feita no dia 18 de abril, durante a inauguração do auditório Ministro Mozart Victor Russomano no Tribunal Superior do Trabalho. As três campanhas produzidas para o Programa Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho também bateram recorde de audiência, com mais de 13 mil visualizações cada.

Em dezembro, o canal live (ao vivo) do TST foi acionado e o encerramento do ano judiciário, realizado pelo Órgão Especial do Tribunal Superior do Trabalho, foi transmitido ao vivo pela TV TST. Com a novidade, quem acompanhar o canal poderá, a partir de agora, ser avisado via e-mail das programações ao VIVO. Para receber as notificações, basta ter uma conta Google e se inscrever na TV TST.

 Tuitar, Retuitar e Seguir

Se você já está familiarizado com estas expressões, certamente já ouviu falar ou já está conectado ao microblog Twitter. A rede social, criada em 2005, tem quase 40 milhões de usuários só no Brasil. Um desses é o Tribunal Superior do Trabalho que, por meio do perfil @TST_Oficial, divulgou 6.500 notícias aos seus 39 mil seguidores, ao longo de 2012.  As publicações renderam mais de 484 mil cliques, e quase 25 mil retuítes, que significa a replicação do conteúdo pelos usuários.

O número de publicações e de adeptos também foi maior do que o alcançado em 2011, uma vez que nesse período foram registrados 24.683 mil seguidores e postadas cerca de três mil manchetes.

Curtiu? Então compartilha!

No Facebook, a expressão "Curtir" é uma das mais utilizadas – uma forma de manifestar a opinião sobre determinado assunto publicado. Ao "aprovar" a publicação, o internauta pode dividir aquela informação com amigos pessoais e esses, repetirem a ação, difundindo ainda mais aquele conteúdo por meio do botão "compartilhar".

E com esse objetivo, de disseminar as decisões da Justiça do Trabalho e de informar cada vez mais cidadãos dos seus direitos, o Tribunal Superior do Trabalho também está presente na rede social que conta com cerca de 65 milhões de usuários brasileiros. A página, inaugurada em maio de 2011, encerrou o ano de 2012 com mais de 60 mil fãs.  

Outras redes

Cada rede social tem uma função distinta e atrai públicos diferentes. No Flickr, por exemplo, são disponibilizadas as fotos dos eventos realizados no Tribunal, divididos em álbuns temáticos. Recentemente, o TST passou a divulgar notícias também pelo Google Plus, lançado em 2011. A rede, que encerrou o ano com cerca de 135 milhões de usuários, foi também a que mais cresceu no Brasil nos últimos doze meses, segundo pesquisas recentes.

(Taciana Giesel/MB)

Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
Permitida a reprodução mediante citação da fonte.
Secretaria de Comunicação Social
Tribunal Superior do Trabalho
Tel. (61) 3043-4907
imprensa@tst.jus.br
Inscrição no Canal Youtube do TST

Média (0 Votos)

Rodapé - Responsabilidade - SECOM


Conteúdo de Responsabilidade da
SECOM - Secretaria de Comunicação
Email: secom@tst.jus.br
Telefone: (61) 3043-4907