Notícias do TST

null Corregedor-geral da JT destaca importância dos centros de conciliação na busca da pacificação social 

Durante correição no TRT-1 (RJ), o ministro Aloysio Corrêa da Veiga ressaltou o papel dos Cejuscs-JT.

02/02 - O corregedor-geral da Justiça do Trabalho, ministro Aloysio Corrêa da Veiga, afirmou nesta quarta-feira (2), durante visita ao Centro Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Disputas de 1º e 2º Graus (Cejusc-JT) do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (RJ), a importância dos métodos consensuais de solução de conflitos na busca da pacificação social. “As mudanças de comportamento e estrutura que vêm ocorrendo no decorrer dos anos reafirmam os métodos consensuais como ideais e genuínos para a solução de conflitos”, assinalou. “A importância do Cejusc vem, em primeiro lugar, do acolhimento da partes, que são os sujeitos da relação processual”.

Capacitação permanente

De acordo com o ministro Aloysio da Veiga, a ampliação dos núcleos de mediação e conciliação se constrói por meio da capacitação permanente e continuada dos magistrados e servidores. Sobre esse aspecto, os representantes do Cejusc do TRT-1 destacaram a realização de cursos de formação de mediadores oferecidos pela Escola Judicial do TRT/RJ, que visam manter a formação sistemática de novos mediadores e oferecer capacitação continuada para aprimorar a atuação desses profissionais. Neste ano, há previsão de uma nova turma para a formação de mais 40 mediadores no Tribunal Regional fluminense. 

Recomendação 

Por fim, o corregedor-geral recomendou que sejam elaborados mecanismos para ampliar a atuação do Cejusc, dentre elas a criação de metas e centros regionalizados, a capacitação de magistrados e servidores para atuarem nos centros de conciliação e mediação e a conscientização sobre a importância da utilização desses métodos para a resolução dos conflitos de forma justa e em tempo razoável.

(Com informações do TRT-1)

Conheça aqui o trabalho da Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho. 

Média (0 Votos)

Rodapé - Responsabilidade - SECOM


Conteúdo de Responsabilidade da
SECOM - Secretaria de Comunicação
Email: secom@tst.jus.br
Telefone: (61) 3043-4907