Metodologia

Metodologia

O TST adotou a metodologia denominada "Balanced Scorecard – BSC" (indicadores de desempenho balanceados). É utilizada mundialmente para descrição de objetivos estratégicos com indicadores de desempenho, metas e planos de ação. O sistema BSC permite traduzir a estratégia em ações operacionais e controlá-las, direcionando os esforços para a sua realização.
 
Tão importante quanto o processo do Planejamento Estratégico é a Gestão da Estratégia, uma avaliação sistemática da organização por meio de reuniões periódicas com foco nos indicadores de desempenho, nas iniciativas (ações e projetos) para a tomada de decisão, alimentado, assim, o ciclo estratégico – elaboração, execução, monitoramento, avaliação e revisão.
 
Para subsidiar as reuniões do modelo adotado, o TST conta com o Sigest - Sistema de Gestão Estratégica da Justiça do Trabalho, ferramenta web sob responsabilidade do Conselho Superior da Justiça do Trabalho - CSJT, onde é possível acompanhar os resultados dos indicadores (valores previstos e realizados mensais e acumulados), com seus respectivos desempenhos, tendências, de acordo com a periodicidade, por objetivo estratégico e suas visualizações por faróis. Acompanha, também, os painéis de contribuição das unidades com os projetos e ações para o exercício por objetivo estratégico, os comprovantes de memória de cálculo dos valores registrados e as análises de desempenho dos indicadores.
 
A gestão do Plano Estratégico do TST no Sigest  obedece ao Ato 388/2020 e o apoio técnico é de responsabilidade da Secretaria de Governança e de Gestão Estratégica - SEGGE. As unidades são responsáveis pela alimentação dos valores apurados, memórias de cálculo, análises de desempenho dos indicadores, bem como pelos registros e atualização das  ações de contribuição  sob suas responsabilidades.