Voltar

Justiça do Trabalho é parceira de projeto de combate ao trabalho infantil em Juína (MT)

(07/03/2019)

A Vara de Juína (MT) é uma das entidades parceiras da campanha ‘Trabalho Infantil não é festa’, lançada pela Prefeitura do município para sensibilizar a população sobre a utilização ilegal da mão de obra infantil em eventos e também dentro e fora do ambiente doméstico.

A campanha foi oficializada no sábado de carnaval (2), exatamente para mobilizar as pessoas em uma das festas mais populares do país. Antes disso, ocorreu o lançamento simbólico da ação, que contou com a presença do juiz Ediandro Martins e de secretários locais.

Mato Grosso possui grande incidência de casos de trabalho infantil. Para se ter uma ideia, de janeiro a julho de 2017, segundo dados mais recentes da Secretaria de Assistência Social do Estado, o estado registrou 1.189 casos de trabalho infantil. Estima-se que o número seja bem maior, dada a dificuldade de fiscalização e os mitos populares que ajudam na perpetuação da prática ilegal. O assunto foi tema de reportagem do Projeto Janela TRT.

Ações Afirmativas

Além de Juína, a Justiça do Trabalho mato-grossense tem se dedicado com afinco em ações de erradicação do combate ao trabalho precoce. No ano passado, por exemplo, a 2ª Corrida do Trabalho usou a temática para chamar atenção da sociedade como um todo.

O Tribunal também realiza o trabalho de sensibilização junto a crianças e adolescentes por meio do game Futuro em Jogo, criado para transmitir de maneira lúdica os males do trabalho infantil e seus reflexos na vida adulta.

Projetos sociais, como o Primeiro Passo e o Formar para Socializar, desenvolvidos pelo Tribunal nos últimos dois anos, também tiveram como meta o combate ao trabalho infantil, por meio de ações de aprendizagem.

Fonte: TRT 23