Publicador de Conteúdos e Mídias

null TRT da 1ª Região (RJ) doa 1,6 mil cartilhas com orientações contra o trabalho infantil

As cartilhas explicam os direitos e deveres dos menores e as leis nacionais contra a exploração de mão de obra infantil.

24/06/2021 - O Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (RJ) realizou, nesta quarta-feira (23/6), a doação de 1.600 cartilhas com orientações contra o trabalho infantil para a Central de Abastecimento do Estado do Rio de Janeiro (Ceasa/RJ) de Irajá e para a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH), da Prefeitura do Rio de Janeiro.

Coordenada pelos gestores do Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estímulo à Aprendizagem do TRT, com apoio da Coordenadoria de Disseminação da Segurança no Trabalho e de Responsabilidade Socioambiental (CDIS), a ação tem como objetivo oferecer material educativo às atividades sociais mantidas pelas duas instituições. E faz parte dos esforços pelo Dia Mundial contra o Trabalho Infantil, comemorado no último dia 12, que se estendem ao longo do mês de junho.

As cartilhas “Trabalho Infantil: 50 Perguntas e Respostas”, elaborada pela Justiça do Trabalho, e a “Turma da Mônica – Trabalho Infantil, Nem de Brincadeira”, em parceria com a Maurício de Souza Produções, explicam os direitos e deveres dos menores e as leis nacionais contra a exploração de mão de obra infantil.

Segundo a assessora jurídica da Ceasa/RJ, Marcela Torres de Oliveira, o material será importante nas ações de orientação de usuários e lojistas da central. “Trabalhamos com diversos públicos, só de lojistas há 800, o que possibilita levarmos a conscientização a um número grande de pessoas”, ressalta Marcela.

Já para a assistente social da SMASDH, Gizele Assunção Almeida, toda parceria é bem-vinda quando se trata de cuidar da criança, principalmente aquela em situação de rua – foco das atividades da Secretaria. “Mantemos o programa de Abordagem Dedicada para crianças, adolescentes e famílias em situação de rua. Buscamos não só orientar, mas retirar os jovens desta condição oferecendo possibilidades, inclusive, do primeiro emprego, via projetos como o Jovem Aprendiz” explica.     

As ações do TRT em prol do Dia Mundial contra o Trabalho Infantil começaram no dia 11/6, quando o Tribunal aderiu à campanha nacional da Justiça do Trabalho sobre o tema em diversas mídias, além da doação de 880 camisas e 550 máscaras faciais à Associação Beneficente São Martinho, em Vilas Kosmos (Zona Norte).

Saiba mais sobre a campanha e a realidade do trabalho infantil.

Fonte: TRT da 1ª Região (RJ)