Ir para o conteúdo

Prazo para motoristas com deficiência pedirem isenção cai para 3 dias - NAI - Núcleo de Acessibilidade e Inclusão

Página Principal - Banner Superior

Página Principal - Título das Notícias em Destaque

Notícias em Destaque                                                Na Mídia                          Vídeos

Aplicações Aninhadas

Aplicações Aninhadas

Publicador de Conteúdos e Mídias

Pagina Principal - Notícias em Destaque- Ver Todas

Ver todas       

Publicador de Conteúdos e Mídias

Podcast "Trabalho em Pauta" discute o mercado de trabalho para pessoas com deficiência

Novo arquivo já está disponível nas principais plataformas de streaming

Aplicações Aninhadas

Publicador de Conteúdos e Mídias

Pagina Principal - Na Mídia - Ver Todas

Ver todas      

Publicador de Conteúdos e Mídias

Confira a playlist de vídeos Direito em Libras















A série "Direito em Libras" traz um glossário jurídico na Língua Brasileira de Sinais. Termos como “ação”, “recurso”,...

Pagina Principal - Vídeos - Ver Todas

Ver todas      

Aplicações Aninhadas

Dicas

null Prazo para motoristas com deficiência pedirem isenção cai para 3 dias

Em pouco mais de quatro meses de funcionamento, a nova plataforma eletrônica da Receita Federal para processar os pedidos de isenção de impostos na compra de veículos reduziu para 72 horas (três dias) o prazo de concessão do benefício. Até o fim do ano passado, quando o processo era manual, pessoas com deficiência e taxistas levavam até 100 dias para receberem a resposta.

Segundo levantamento divulgado recentemente pela Receita, cerca de 200 mil pedidos de isenção de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) deixarão de ser protocolados a cada ano nas unidades de atendimento do Fisco. Desse total, 150 mil são de pessoas com deficiência e 50 mil de taxistas.

 

Fonte: Agência Brasil

Pagina Principal - Dicas - Ver Todas

Ver todas       

Mural da Inclusão

Rodapé das Páginas do NAI

 

Núcleo de Acessibilidade e Inclusão (NAI)

acessibilidade@tst.jus.br

3043-4172  /  3043-3384

Bloco A - Sala 245