Instrumentos de Pesquisa

O acervo do Tribunal Superior do Trabalho – TST possui documentos do ano de 1788 até os dias atuais. Há aproximadamente 217 metros lineares de acervo e 10,87 toneladas de documentos, acondicionadas em 1522 caixas-arquivo. Os documentos estão arquivados em papel, microfilmes, objetos museológicos e em meio digital.

O TST possui uma política ativa de recebimento de novos fundos pessoais de Ministros. Esses fundos ingressam no Tribunal por meio de doação e são recebidos pela Coordenadoria de Gestão Documental e Memória - CGEDM. O acervo doado é vistoriado no laboratório de conservação e restauração de documentos, para que seu estado de conservação seja avaliado.

O arquivo do TST é composto por três fundos arquivísticos: o fundo do Conselho Nacional do Trabalho – CNT; o fundo pessoal do Ministro Geraldo Montedôneo Bezerra de Menezes; e o fundo do TST.

O fundo do CNT é composto por três séries da área-fim e por nove séries da área-meio (Guia CNT). No ano de 2016, o fundo CNT recebeu o certificado Memória do Mundo da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura – UNESCO. O programa Memória do Mundo (em inglês, Memory of the World – MoW), tem o objetivo, entre outros, de assegurar a preservação de acervos documentais de relevância mundial e democratizar o acesso à História.

O fundo pessoal do Ministro Geraldo Montedôneo Bezerra de Menezes reúne documentos - acórdãos, correspondências, artigos, cartas, anotações pessoais, atos de nomeação, pareceres sobre projetos de lei, entrevistas, fotografias, livros, títulos religiosos e objetos utilizados no decorrer de sua vida.

O fundo do TST contém dissídios, ofícios, acórdãos, atas, notas taquigráficas, exposição de motivos, apostilas, resoluções administrativas desde 1946 até a atualidade (Guia do arquivo permanente).

O acervo está sob a responsabilidade da CGEDM, localizada no Edifício Sede do TST, Bloco A, 3º andar, salas A-356 e A-359.

O atendimento ao público externo ocorre de segunda a sexta-feira, das 8 às 18 horas.

As solicitações de pesquisas podem ser encaminhadas para o seguinte e-mail: cgedm@tst.jus.br

Conteúdo de Responsabilidade da CGEDM


Conteúdo de Responsabilidade da
CGEDM – Coordenadoria de Gestão Documental e Memória
E-mail:cgedm@tst.jus.br
Telefone: (61) 3043-3028