Notícias do TST

null Revista TST: ministra Maria Cristina Peduzzi explica protocolo de retorno às atividades presenciais 

A presidente do TST concedeu entrevista ao programa Revista TST, que está de volta à TV Justiça e ao YouTube.

Cenário do programa Revista TST

Cenário do programa Revista TST

17/08/20 - Em entrevista ao programa Revista TST, a presidente do Tribunal Superior do Trabalho e do Conselho Superior da Justiça do Trabalho, ministra Maria Cristina Peduzzi, detalhou como vai ser o restabelecimento das atividades presenciais no Tribunal, ainda sem data oficial para ocorrer. Os procedimentos foram definidos no Ato Conjunto 316/2020, que instituiu o protocolo de retomada gradual dos serviços presenciais, a partir de estudos realizados pela direção e por profissionais de saúde do TST.

Outro tema de destaque na entrevista foi o aumento da produtividade do TST durante o trabalho remoto. Segundo a presidente, os números até julho de 2020 superam os do mesmo período de 2019. A ministra enfatizou ainda a importância da rápida adoção de medidas preventivas contra a disseminação da Covid-19 no tribunal. “Fomos vanguardistas. O primeiro ato editado foi no dia 10 de março, bem no início da pandemia”, lembra. A presidente também comentou os procedimentos que serão adotados nas sessões de julgamento a partir da retomada das atividades presenciais. 

Além da entrevista, a edição desta semana do programa traz os principais julgamentos dos órgãos colegiados do tribunal. Entre os destaques, uma decisão em que a Subseção I Especializada em Dissídios Individuais manteve a condenação de uma fazenda no Tocantins pela morte de um empregado em acidente.

Programas inéditos

O Revista TST está de volta ao canal oficial do TST no YouTube após cerca de quatro meses sem programas inéditos, em razão da pandemia da Covid-19. O programa também retorna à grade de programação da TV Justiça nos seguintes horários: sexta-feira às 19h30, sábado às 7h, domingo às 3h, segunda-feira às 7h, terça-feira às 20h30 e quinta-feira às 22h. As gravações foram adaptadas para atender às recomendações de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus. 
Acesse o canal do TST no Youtube e assista a todas as edições do programa. 

 

(MM/RT/AB)
 

Média (0 Votos)