Notícias do TST

null Presidência do TST requisita processo do caso BASF/Shell (atualizada)


(Qua, 20 mar 2013 19:51:00 +0000)

Foram encaminhados à Presidência do TST, ao final da tarde desta quarta-feira (20), os autos do recurso de revista na ação civil pública contra a Basf e a Raizen Combustíveis (Shell) visando à reparação de danos causados pela contaminação de uma fábrica em Paulínia (SP). O ministro requisitou o processo à relatora, ministra Delaíde Miranda Arantes, depois da manifestação dos interessados em formalizar a conciliação iniciada em fevereiro.

Na semana passada, representantes do Ministério Público do Trabalho, das empresas e dos trabalhadores vítimas de exposição à contaminação química da fábrica de Paulínia (SP) manifestaram concordância com a proposta de conciliação alinhavada no TST no dia 5/3, que prevê indenização por danos morais coletivos de R$ 200 milhões (veja detalhes da proposta de acordo). Nos termos da ata da audiência, as partes teriam até o dia 11 para se manifestar sobre o aceite e, a partir de então, mais dez dias para apresentar a minuta final do acordo.

(Carmem Feijó)

Processo: RR 22200-28.2007.5.15.0126

Matéria atualizada às 16h16, com correções.

Leia mais:

11/03/2013 - Basf, Shell e trabalhadores aceitam acordo de conciliação

05/03/2013 - Representantes de Basf, Shell e trabalhadores chegam a um acordo

27/02/2013 - TST retoma audiência de conciliação em ação contra Shell e Basf, em processo de 1,1 bi

14/02/2013 - BASF e Shell apresentam proposta para reparar danos por contaminação em Paulínia

13/02/2013 - TST busca conciliação em ação contra BASF e Shell por danos causados por contaminação em SP

Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
Permitida a reprodução mediante citação da fonte.
Secretaria de Comunicação Social
Tribunal Superior do Trabalho
Tel. (61) 3043-4907
imprensa@tst.jus.br
 
Inscrição no Canal Youtube do TST

Média (0 Votos)