Banner rotativo 33

Executômetro - 2020

0,00
7.514
R$ 340.078.690,61
518
R$ 112.522.677,89
0
R$ 0,00
TRT's de Grande Porte – 1º Lugar: TRT 2ª Região (SP) , 2º Lugar: TRT 15ª Região (Campinas/SP) , 3º Lugar: TRT 1ª Região (RJ) --------- TRT's de Médio Porte – 1º Lugar: TRT 5ª Região (BA) , 2º Lugar: TRT 9ª Região (PR) , 3º Lugar: TRT 10ª Região (DF/TO) --------- TRT's de Pequeno Porte – 1º Lugar: TRT 24ª Região (MS) , 2º Lugar: TRT 21ª Região (RN) , 3º Lugar: TRT 17ª Região (ES)      

Espaço

 

Vídeo

Banner fixo lateral

Publicador de Conteúdos e Mídias

null “SOS Execução", do TRT da 2ª Região (SP), realiza primeira audiência para formação de comissão de credores em face de um mesmo devedor

A Comissão de Credores busca estimular a cooperação para o andamento da execução de forma centralizada, em benefício de todos os participantes do processo piloto.

26/03/21 - O Programa "SOS Execução" – recentemente implantado pela Justiça do Trabalho da 2ª Região (SP) – realizou, na quarta-feira (24), a primeira audiência para formação de Comissão de Credores no primeiro processo piloto do programa. A audiência virtual reuniu representantes de credores em face de um mesmo grupo econômico executado em processos que tramitam na 2ª VT/Cotia (SP). Foi conduzida pelo juiz do trabalho Rafael Vitor de Macêdo Guimarães, coordenador do Programa "SOS Execução".

A Comissão de Credores busca estimular a cooperação para o andamento da execução de forma centralizada, em benefício de todos os participantes do processo piloto. Passam a ser compartilhadas experiências e conhecimentos sobre a investigação patrimonial em face do devedor comum. "Com isso, fortalece-se a jurisdição executiva, conferindo maior efetividade ao processo executivo", afirmou o juiz Rafael Guimarães.

Iniciativa inédita

O Programa "SOS Execução" é uma iniciativa inédita da Corregedoria Regional do TRT da 2ª Região e foi lançado no início de março. Para saber mais sobre o programa, clique aqui. Para ler a íntegra do Provimento CR nº 01/2021, que instituiu o "SOS Execução" na 2ª Região, clique aqui.

Fonte: TRT da 2ª Região (SP)