Notícia Destaque Notícia Destaque

Voltar

Tem dúvidas sobre o PJe? Acesse o FAQ e confira as perguntas mais frequentes

(04/05/2017)

Já está disponível na internet o serviço de FAQ com as respostas para as perguntas mais frequentes sobre o Processo Judicial eletrônico (PJe) na Justiça do Trabalho. Com a expansão do uso do sistema no Tribunal Superior do Trabalho, o usuário encontra na página do FAQ informações importantes que auxiliam na hora de utilizar o sistema, como a maneira de se cadastrar e acessar o PJe voltado para o TST, e também a forma de peticionar documentos e acompanhar a tramitação.

O Tribunal já usa o Processo Judicial Eletrônico nos Recursos de Revista (RR) e Agravos de Instrumento em Recursos de Revista (AIRR) distribuídos à Presidência, e, no dia 2 de maio, vai expandir o sistema para a Subseção II Especializada em Dissídios Individuais (SDI-2). A novidade é que está previsto para junho a utilização do PJe para ações originárias de competência do Gabinete da Presidência e para os processos do Tribunal Pleno do TST. O Ministro Ives Gandra Martins Filho, Presidente da Corte, tem o objetivo de implantar o PJe em todos os Órgãos Judicantes do TST até o fim de sua gestão, em fevereiro de 2018.

Para acessar o sistema, é necessário instalar o navegador Mozilla Firefox, e o usuário precisa ter certificado digital, documento eletrônico que serve para identificação e assinatura pessoal. Nesse sentido, o FAQ explica qual o tipo de certificado digital aceito pelo PJe, como adquirir o documento eletrônico e o custo da emissão.

A lista de respostas traz, por exemplo, o novo limite de tamanho dos arquivos aceitos pelo PJe que passou de 1,5 MB para 3 MB, com a edição do Ato 89/CSJT, de abril de 2017. Esse normativo ainda expandiu para 20 o número de documentos que podem ser enviados por lote. O FAQ explica ainda como visualizá-los no sistema, além de mencionar a legislação que regulamenta o Processo Judicial Eletrônico.

Os caminhos para cadastrar assistente de advogado e como realizar a habilitação do advogado nos autos também são explicitados. O usuário encontrará ainda informações sobre intimações, contagem de prazos no PJe, inclusive nas situações de indisponibilidade do sistema, formas de acompanhar a movimentação processual, inclusive por e-mail, e indica o procedimento para solicitar sigilo. Quanto aos casos de mensagens de erro, há respostas sobre os possíveis problemas e soluções.

Acesse aqui o FAQ do PJe.

Homologação

Outra novidade, é que, pela primeira vez, qualquer usuário com certificado digital poderá participar da fase de homologação da nova versão (1.15) do PJe na Justiça do Trabalho. O objetivo é incentivá-los a certificar se as mudanças (correções e evoluções) aplicadas na versão 1.15 funcionam corretamente. O resultado do teste vai servir para possíveis ajustes. Veja como participar dessa avaliação, que ocorre até 5 de maio.

(Guilherme Santos/TG)

Leia mais:
31/3/2017 - SDI-2 do TST começa a utilizar o Processo Judicial Eletrônico em maio de 2017
6/3/2017 - Assinatura de despachos marca início do Processo Judicial Eletrônico (PJe) no TST


Notícias do PJe-JT Notícias do PJe-JT

Encontro em Brasília debate infraestrutura e desenvolvimento do PJe na Justiça do Trabalho

Promovido de 7 a 9 de outubro, em Brasília, o evento debateu modelos de trabalho, projetos nacionais e atualizações de softwares utilizados.

Mediações e conciliações pré-processuais da 18ª Região (GO) passam a tramitar exclusivamente pelo PJe

O pedido de mediação e conciliação pré-processual deverá ser apresentado exclusivamente por meio do sistema Processo Judicial Eletrônico de 2º Grau.

Nova versão do PJeOffice torna atualização automática

Além de melhorias que incluem ajustes de segurança, a versão 1.0.19 do aplicativo recebe uma correção para permitir que atualizações futuras ocorram de maneira automática.

Saiba como formular pedido ao TRT da 1ª Região (RJ) de mediação ou conciliação pré-processual de conflitos coletivos no PJe

A Presidência do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (RJ) editou o Ato 171/2019, que regulamenta a mediação e a conciliação pré-processual de conflitos coletivos no TRT.

TRT da 9ª Região (PR) e Caixa Econômica Federal renovam convênio que deve tornar a liberação de valores mais célere

A novidade no acordo recém-assinado é a integração do sistema da CEF com o Processo Judicial Eletrônico (PJe), que está em sua versão 2.4.

Verifique se o processo está tramitando no PJe

Pesquisa Processual